Especialidades

Psicologia

O setor de Psicologia trabalha em cima de objetivos para proporcionar atenção e cuidados básicos à saúde mental das crianças e seus familiares.

Nossos objetivos com o paciente

Entrever o paciente e seu familiar além da reabilitação física. Compreender o diagnóstico no plano biopsicossocial, considerando cada família em sua individualidade.

Acolher os pacientes e estreitar a relação de confiança junto deles para, de forma transparente, incentivar a expressão de desejos e necessidades emocionais além do contexto da reabilitação que, por sua vez, proporciona o estabelecimento de estratégias compensatórias para as funções cognitivas afetadas.

Proporcionar recursos para que os pacientes aprendam lidar e perceber seus sentimentos, criando consciência de seus limites e autoaceitação.

Nossos objetivo com a família

Conscientizar os responsáveis por meio de terapias familiares para que trabalhem as potencialidades e limitações das crianças, acolhendo e mediando conflitos emergenciais. Pois, é importante não só olharmos para o paciente, e sim para todo o seu contexto biopsicossocial.

As terapias são realizadas individualmente com pacientes de idade cronológica a partir de cinco anos, caso necessário os responsáveis também terão apoio terapêutico.

Avaliações

Além do apoio emocional, realizamos avaliações neuropsicológicas em pacientes com idade cronológica a partir de seis anos, para mapeamento do perfil cognitivo e planejamento de estratégias para a habilitação e reabilitação das áreas possivelmente afetadas. 

Orientação e atendimento à família

Os familiares e/ou cuidadores são encaminhados pelos demais setores da Instituição, por meio da Avaliação Global, pelo Programa de Intervenção Precoce ou que necessitem de orientação focada em eventos diretamente relacionados aos pacientes, incluindo dinâmica familiar conflituosa, dificuldades no manejo comportamental do paciente no lar, nas terapias, na escola, entre outros.

Além de realizarmos entrevistas semidirigidas e avaliações de Transtorno de Ansiedade e Depressão, por meio da Escala de Beck.

Dependendo do resultado da avaliação, caso haja necessidade, os familiares e/ou cuidadores podem ser encaminhados para acompanhamento psiquiátrico e psicológico em atendimentos conveniados ou do serviço público

Orientação aos terapeutas

As orientações e discussões de caso com os terapeutas da Casa da Esperança de Santos® ocorre quando existe a necessidade de troca de informação pertinente ao paciente, seus familiares e/ou cuidadores, esse compartilhamento é realizado em caráter sigiloso e confidencial.

Orientação Escolar

Para auxiliar o paciente em seu desenvolvimento realizamos reuniões que podem ser solicitadas pelos terapeutas ou pela escola. As reuniões ocorrem em dias e horários agendados previamente entre as partes.

Por fim, a equipe de psicologia pode atuar em conjunto com os demais setores quando houver necessidade de escuta, orientação e acolhimento.

Newsletter

Ícone Whatsapp