Mídia

Casa da Esperança de Santos promove Bazar da Pechincha

A Casa da Esperança de Santos promove na semana que vem, de segunda a sexta-feira (16 a 20), o 2º Bazar da Pechincha do ano. Com entrada gratuita, o evento beneficente acontece das 8 às 17 horas, no salão de eventos da instituição, na Rua Imperatriz Leopoldina, 15, na Ponta da Praia.

 

Durante a semana serão vendidos roupas, calçados, utensílios domésticos, livros e outros artigos populares com preços a partir de R$ 2. Além dos diversos produtos, o bazar oferece eletrodomésticos novos, na caixa. O objetivo é arrecadar fundos para custear mais de 4 mil procedimentos terapêuticos, oferecidos gratuitamente a 275 crianças e adolescentes de 0 a 18 anos com deficiências físicas e intelectuais.

 

Neste mês, a instituição completa 61 anos de atuação na área de habilitação e reabilitação de deficientes e atualmente conta com tratamentos médicos e terapêuticos multidisciplinares nas áreas de Fisioterapia, Terapia Ocupacional, Psicologia, Pedagogia, Fonoaudiologia, Odontologia e Integração Sensorial.

 

Além do tratamento de crianças e adolescentes, a Casa da Esperança de Santos também promove programas para a integração dos cuidadores. Por intermédio do Núcleo de Promoção de Mães Dona Vanjú são oferecidas oficinas de artesanato e confecção de produtos de panificação. Em espaços permanentes dentro da entidade, como a Feirinha da Esperança e Cafeteria Sabor Esperança, é dada oportunidade de comercialização para geração de renda.

 

A instituição recebe ajuda governamental e tem como principal receita (superior a 60%) doações feitas pela própria comunidade, expressas através das contribuições dos seus associados mensais e “Padrinhos-Esperança”, além do Teledoações, Nota Fiscal Paulista e pela ajuda voluntária da sociedade em eventos beneficentes como o Bazar da Pechincha.

 

Para ajudar a Casa da Esperança de Santos, os interessados podem realizar doações através do site www.casadaesperancadesantos.org.br Há opções de doações recorrentes, via cartão de crédito, depósito bancário ou através do telefone (13) 3278.7818.

 

Leia a matéria na íntegra clicando aqui